quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

A importância da comunicação na nossa vida pessoal e profissional...

Todos sabem que o meu jardim é de letras...
As letras bem escolhidas formam palavras maravilhosas...
As palavras sinceras, bem colocadas e conectadas com os nossos cinco sentidos, serão sempre eficazes.
Se acrescentarmos nessa fórmula a coerência, as nossas comunicações serão sempre bem sucedidas, tanto no campo pessoal, quanto no profissional.
Vou descrever como consegui chegar a esta conclusão e como a minha vida está se tornando cada dia mais fácil.
A descoberta mais interessante que fiz, depois que criei o meu blog, foi a importância do bom uso das palavras.
Já falei aqui, da importância de aguçar os nossos cinco sentidos.
Aprendi com a minha amiga Clara, proprietária da empresa Pleno Consultoria, que as palavras nas nossas vidas não podem ser escolhidas aleatoriamente.
O nome “ Clara”, ela recebeu de presente dos pais e “Pleno” é o nome que ela deu a sua empresa.
A leitura que fazemos é: - O trabalho da Clara é pleno e trás a clareza que todos os seus clientes desejam!
Apesar de toda a tecnologia existente, a palavra mal usada, pode muitas vezes encerrar relacionamentos pessoais e profissionais.
Primeiro é importante retirarmos do nosso vocabulário palavras inventadas para se vender algo, que só quem inventou entende.
Para eles, elas dizem tudo e na verdade, para nós, não dizem nada.
Já fiz uma lista delas e retirei do meu vocabulário.
Eu conheço muitas pessoas que expressam o inglês fluente e polido e não sabem o mesmo com a sua própria língua.
Mas podemos observar que estamos resgatando a necessidade de falar o português correto, pelas exigências nas provas de concurso, entrevistas de emprego e etc.
As nossas comunicações por e-mail, msn, blogs, orkut , twitter, facebook e tantos outros, também tem que ser consideradas um avanço.
Conheço vários blogueiros fazendo reciclagem e entrando em cursos de Língua Portuguesa.
Hoje todo profissional que faz a diferença, fala e escreve bem a sua língua e com clareza.
Quando fazemos a opção por determinado produto ou profissional, a clareza e a coerência são importantíssimos.
E só conseguimos fazer a opção certa, com contratos e especificações bem redigidas, claras e coerentes.
Na comunicação verbal precisamos ser ainda mais habilidosos, porque não temos a possibilidade de revisão que temos com a comunicação escrita.
Corremos um risco enorme de desfazermos boas relações e parcerias, com palavras mal colocadas, entonações que podem parecer crítica ou até coisas piores.
Palavras ditas em volumes alterados - ou baixo demais ou alto demais, podem nos levar a situações desastrosas.
Sempre procurei me expressar com clareza e agora, mais do que nunca, estou mais atenta, procurando me expressar com mais eficácia e as minhas comunicações estão sendo mais produtivas.
Numa comunicação é muito chato quando um dos comunicadores não deixa ninguém falar, mas agora aprendi que também existe uma comunicação em que o outro não fala e fica com aquela cara de paisagem, o que chega a ser assustador.
Esse é o famoso Blasé...
O equilíbrio do escutar e falar é importantíssimo.
A medida certa se encontra no desenvolvimento da conversação.
Basta que tenhamos bom senso, capacidade de observação e também sinceridade.
Hoje todos nós convivemos com muito mais pessoas, de diferentes profissões, nível de inteligência, cultural e social.
Às vezes, as palavras nos remetem a lugares prazerosos ou desagradáveis e dependendo da entonação, do volume e de quem fala, podem mudar o significado da comunicação.
Isso pode ser um dos fatores determinantes para o sucesso ou o fracasso da nossa comunicação.
Acreditem, temos vários caminhos e formas de ter sucesso com a nossa comunicação, mas o que mais gosto é a “Coerência”
A coerência é alinhar o pensar, o apresentar, o agir com a verbalização.
A definição de coerência é:
- Ligação, conexão, de um conjunto de idéias ou de fatos, formando um todo lógico.
Cada vez mais neste mundo competitivo, temos que nos preocupar com as nossas comunicações.
Penso que, se escutarmos mais e prestarmos mais atenção na linguagem corporal do outro e na sua coerência, a nossa comunicação será mais bem sucedida.
É preciso observar alguns pontos importantes como:
- Despertar no outro o interesse na sua comunicação.
-Conseguir captar se o outro está entendendo a sua comunicação e se necessário perguntá-lo se existem dúvidas.
-Ser muito explicativo e prolixo, pode deteriorar a comunicação nos primeiros instantes ou então encerrá-las antes de alcançar o seu objetivo.
Devemos também ter muito cuidado para não entrarmos na intimidade do outro sem permissão, porque assim, poderemos também fracassar na nossa tentativa de comunicação.
Resumindo, vou dar algumas dicas para o sucesso nas comunicações:
- Aperfeiçoar o estudo da língua que se comunica.
- Prestar atenção no outro, tendo sempre àquela coerência como foco.
- Sinceridade e um sorriso, também são fatores importantíssimos para a sua comunicação.
- A leitura diversificada e assídua.
- Por último, aguçar os cinco ou talvez até o sexto sentido, seja uma ótima forma de ter sucesso nas comunicações.
Bem vindo ao mundo mais fluido!!!!!!!

Lucia Faria.

3 comentários:

  1. LUIZ OTÁVIO TROPIA BARRETO26 de fevereiro de 2010 15:27

    OLÁ, LÚCIA. ´QUEM ESCREVE É LUIZ, AMIGO DE OLGA, RENATO E MARIDO DE IZABELA. EXPLANAÇÃO MUITO BOA. SUGIRO QUE VOCÊ FAÇA UMA PALESTRA SOBRE O ASSUNTO PARA OS JORNALISTAS DA REDE MINAS DE TELEVISÃO. O QUE MAIS FALTA ENTRE AQUELES QUE FAZEM O JORNALISMO É JUSTAMENTE A MÁ COMUNICAÇÃO INTERNA.
    PARABÉNS E UM ABRAÇO.
    LUIZ OTAVIO TROPIA BARRETO.

    ResponderExcluir
  2. Ei Luiz Otávio

    Que bom estar com você no meu Jardim.
    Acho que a boa comunicação é uma alternativa nos relaciomentos, profissionais e pessoais.
    Penso que, agora, as empresas já estão conscientes, dessas dificuldades que o ser humano trás nos relacionamentos.

    Lucia

    ResponderExcluir
  3. Luiz Otávio

    Estou a disposição para trocarmos idéias sobre o assunto.

    Abraços


    Lucia

    ResponderExcluir